Textos
Deus salve essa menina
Que se perdeu na esquina
Deus a salve dos amores
Deus a livre dessa rotina
 
Flor de árvore sem folhas
Galhos secos, tosco tronco
Acalenta o sonho impossível
A igreja e o vestido branco
 
Qual futuro dessa estrela
Que um dia nasceu cadente
Na queda perdeu o brilho
Pobre astro de vida carente
 
Estrelas enfeitam a noite
Brilham como jovens meninas
Estrelas não sentem fome
Não morrem a cada esquina
 
O brilho da estrela se esconde
Por detrás da luz do dia
A juventude se esvai e sucumbe
Às mazelas do dia a dia
 
Há quem diz que é vida fácil
Perversão, pecado, heresia
Fechar os olhos à realidade
É preconceito e hipocrisia
Wilson Magalhães
Enviado por Wilson Magalhães em 29/12/2019
Comentários